Acredite, Estou Mentindo

As palavras fortes do título, Acredite, Estou Mentindo, não são minhas. Elas pertencem à Ryan Holiday que complementa com um subtítulo tão categórico quanto a fala anterior, “Confissões de um Manipulador das Mídias”. Pois bem, vamos analisar de forma rápida e sucinta porque é importante que você conheça melhor as nuances apresentadas por Holiday. Antes que você se questione se isso é aplicado apenas aos profissionais de marketing, eu digo, “não!”. Todo e qualquer consumidor de informação pode se beneficiar da análise feita pelo autor ao longo do livro.

A primeira publicação foi em 2012 e por mais que eu esteja falando de 8 anos atrás, a obra segue atual. O autor busca explorar como funciona o universo da “blogosfera” como ele mesmo cita repetidamente. Batendo, de forma constante, na tecla de que toda a indústria da mídia, especificamente a jornalística e de hard news, pode ser manipulada por pessoas como ele. São os relações públicas, e diga-se de passagem, marketeiros das empresas. No entanto, essa manipulação não é direta, e sim feita através de grandes portais da web. Os blogs, como o The Huffington Post, Politico, Techcrunch, passando pelo extinto Gawker entre muitos outros.

E antes que você me pergunte por que isso é de fato importante, vou te perguntar eu: qual a principal forma que você usa para se informar? Uma vez que, no Brasil, somos o 4º maior mercado de internet mundial. Ou seja, usando um dos termos do Holiday ao longo livro, a “economia de links” movimenta na casa de bilhões de reais anualmente.

Agora, isso é necessariamente ruim? Na minha opinião: “não”. Eu estou aqui escrevendo este texto, justamente porque me beneficio de um blog, parte anexa e muito importante de minha empresa.

Em que o livro Acredite, Estou Mentindo, pode te ajudar?

Caso você seja um profissional de RP, marketing, comunicação ou alguém que trabalha com internet, vai clarear algumas estratégias. Agora, se você estiver em qualquer outra área, se beneficiará em saber como a mídia em geral funciona. E, consequentemente, poderá desenvolver um pensamento mais crítico em relação ao que você lê, assiste e ouve por aí.

Embora o autor explore bastante uma visão a partir do mercado dos EUA, citando os portais que falei acima, além de grandes redes de TV como CNN e CBS e jornais como o The New York Times, a lógica se aplica bem para nós aqui, em nossa realidade. Visto que, a fórmula é igual em todos os casos.

E o que fazer a partir desse conhecimento?

Conhecer os meandros da mídia, blogs e portais te ajudará a entender como a internet foi sendo construída. Dessa forma, você perceberá que muito do que acontece no mundo é feito a partir de uma perspectiva enviesada, e como diria o autor, acredite, de alguma forma, todos estão mentindo. De acordo com Ryan Holiday, você nunca mais verá as notícias da mesma forma. Ainda bem, pois, o pensamento crítico é essencial em qualquer profissão e a todo momento na vida.

Saiba mais sem spoilers!

A obra é, sobretudo, um olhar sobre o lado obscuro da mídia e um guia de como explorá-la e evitar ser manipulado por ela. Então, descubra como funciona o jornalismo atual, cada vez mais focado em cliques e visualização de páginas do que com a autenticidade da informação. Por este motivo, sites de pouca credibilidade conseguem influenciar a pauta e os noticiários dos veículos maiores, criando um círculo vicioso que se auto alimenta de boatos e notícias insignificantes. Por isso, este livro mostra em detalhes como manipular o ciclo de notícias online, plantar uma história dentro de um grande site de notícias e como fazer essa história aparecer na TV, em rede nacional. É relativamente fácil quando se conhece as regras do jogo. Boa leitura!

E-book

R$11,61